Elementar(y), meu caro!

Olá de novo!

Dessa vez, digito até com empolgação, pois hoje irei falar com vocês sobre a minha série favorita:

BEST TV SHOW 10/10

Elementary conta sobre Sherlock Holmes. Pois é, o detetive mais famoso do mundo está numa série de TV novamente? Bom, se engana quem pensa que Elementary é como Sherlock (seriado da BBC). Sherlock tem seus roteiros adaptados dos livros escritos por Sir Arthur Conan Doile (claro que com algumas pequenas diferenças), enquanto que Elementary faz menções, mas segue um outro rumo, completamente diferente.

Estamos no século XXI. Nosso Sherlock Holmes acaba de se mudar da Inglaterra para Nova Iorque. Aqui, ele consegue alguns trabalhos - que realiza ao lado do Capitão Gregson e do detetive Bell - não-remunerados como detetive consultor do Departamento de Polícia de Nova Iorque. De seguida, descobrimos que o nosso detetive é um ex-viciado em drogas! E então, somos apresentados a Dra. Joan Watson (sim! É uma mulher! E que mulher!), ex-cirurgiã que infelizmente perdeu a licença médica após um dos seus pacientes ter morrido.

Holmes e Watson, os personagens principais desta série.

Bom, Watson foi contratada pelo pai de Holmes para acompanhá-lo durante seu período de reabilitação. Ela não deve sair do lado de Holmes, então começa a ir junto dele às cenas de crime do detetive.

A amizade de ambos passa por diversos altos e baixos, principalmente pelo fato de Holmes ser bem arrogante e cheio de si. Mesmo assim, os dois conseguem se dar bem e eu, é claro, torço para que ambos fiquem juntos no final da série.

Mesmo tendo constantes discussões, os dois dariam um belo casal.

A história é complexa, sendo que fatos do passado ainda afetam o presente e podem alterar o futuro da trama. Em todos os episódios, temos casos que a polícia diz ser difíceis, mas para o Sherlock são fáceis. Devo comentar que achei que essa seria mais uma série estilo C.S.I. - Crime Scene Investigation, mas não! Conforme a história passava, eu ia ficando mais preso, mais envolvido. Eu não vou dar spoiler, mas até hoje lembro da reação do momento em que me foi revelada a identidade de Moriarty, eterno arqui-inimigo de Sherlock.

E foi tudo isso que me conquistou na série: o conceito totalmente improvável de acontecer (se bem que há quem diga que Sherlock era sim um usuário de drogas), o roteiro bem escrito e a caracterização das personagens deu tão certo que essa série desbancou Law & Order: SVU da primeira posição.

Jonny Lee Miller interpreta Sherlock Holmes, enquanto que a Lucy Liu é a nossa Dra. Watson; pra fechar o time, temos Aidan Quinn interpretando o Capitão Thomas Gregson, e o detetive Marcus Bell, cujo ator é o Jon Michael Hill.

Jon Michael Hill, Lucy Liu, Jonny Lee Miller e Aidan Quinn
(da esqueda para a direita).

Elementary encontra-se (no dia dessa postagem) na 3ª temporada, e já teve a 4ª confirmada (aliás, já está gravada também, se não me engano). A série é exibida, aqui no Brasil, na Bandeirantes (tevê aberta) e no Universal Channel (tevê fechada).

Nenhum comentário:

Postar um comentário