Diversos filmes que assisti esse final de semana...

Pôster do filme.

A Fantástica Fábrica de Chocolate (2005)
("Charlie and the Chocolate Factory" ou "Charlie e a Fábrica de Chocolate")
Nota: *****

Que atire a primeira pedra aquele que nunca assistiu e/ou se divertiu com esse filme, além de se emocionar também. Johnny Depp é simplesmente genial como Willy Wonka nesse remake do filme de 1971, e seu personagem, dono de uma imensa e fantasiosa fábrica de chocolates, é um doido completo, ou seríamos nós os loucos por não compreendê-lo? E os Oompa-Loompas, cantando suas irônicas músicas toda vez que uma das crianças se dava mal por se achar demais?

O filme tem tanta mensagem, mas tanta mensagem, que dá pra fazer uma análise a fundo apenas dele, numa postagem. Quem sabe? Mas, convenhamos, este filme merece, e sempre vai merecer, a nota máxima.

Nota: 5/5, muito bom!

Pôster do filme.

A Princesa e o Sapo (2009)
("The Princess and the Frog" ou "A Princesa e o Sapo")
Nota: *****

Emocionante, como muitas das animações dos Estúdios Walt Disney. E ele se torna histórico por trazer a primeira princesa negra da Disney à realidade. A história é sobre Tiana, que sonha em ter um restaurante. Ela trabalha demais, em dois empregos, inclusive, pra juntar dinheiro suficiente pra tornar seu sonho real. Então, no meio de uma grande confusão envolvendo uma amiga de infância e o príncipe, Tiana conhece um sapo que pede um beijo para voltar à forma humana. Quando Tiana o beija, o inverso acontece, e a protagonista é que se torna um sapo.

É um daqueles filmes que vão te pegar de surpresa e te fazer chorar, com certeza, ao menos uma lágrima. Ou encher seus olhos. É lindo de se assistir.

Nota: 5/5, muito bom!

Pôster do filme.

Até que a Sorte nos Separe 3: A Falência Final (2015)
Nota: ****

Comédia brasileira com Leandro Hassum é sinal de coisa boa, e esse filme é a prova disso. Mas eu senti que algumas coisas no filme precisavam de explicação. Eu nunca assisti os dois anteriores, e por isso creio que fiquei com essa sensação.

Hassum é Tino, um cara que acabou de perder uma grana imensa e voltou à vida padrão. Enquanto trabalhando no sinal, ele é atropelado pelo filho de um dos caras mais ricos do Brasil, Tom. A partir daí, a vida de Tino muda e ele começa a trabalhar com Rique, o rico, e a ter todas as mordomias e riquezas de novo.

Pena que ele atende ao telefone pessoal de Rique e vende todos os fundos de investimento brasileiro do cara, ferrando com TODO O BRASIL!

Você não para de rir em nada no filme. É hilário, do início ao fim.

Nota: 4/5, bom -- só perdeu uma estrela por me deixar confuso mesmo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário