Assistidos em 2017

Inspirado no que o Bruno Zago, Daniel Lopes e Alexandre Callari  o pessoal do Pipoca e Nanquim — fazem desde o ano passado, vou começar uma nova lista de filmes e séries que assisti em 2017.

No ano passado, coloquei algumas postagens aqui no blog. Você pode encontrá-las através do marcador "Assistidos".

Começando o ano de 2017 com duas coisas: um filme e uma série.

(01) How I Met Your Mother: Primeira Temporada (2005)
Nota: *****

O pôster da primeira temporada, com os
cinco protagonistas: Lily, Marshall,
Ted, Robin e Barney.

Cara, que série fantástica. Eu, eterno fã de F.R.I.E.N.D.S., achava que essa série era uma simples cópia que deu sucesso, mas me surpreendi ao ver que ela não tem nada em comum com F.R.I.E.N.D.S., excepto pelo fato que é um grupo de amigos e suas aventuras.

How I Met Your Mother mostra Ted Mosby, o protagonista, contando para seus filhos o desenrolar de sua vida até o momento em que ele conhece a mulher que vem a se tornar sua esposa.

A primeira temporada apresenta os personagens e os desenvolve aos poucos, encerrando com aquele ótimo gosto de "Quero mais!".

(02) Rogue One: Uma História Star Wars
Nota: *****

Pôster do filme.
Eu assisti aos filmes de Star Wars no ano passado e me tornei fã imediato da série. Inclusive comecei a ler os Quadrinhos que saem pela Marvel. (Para aqueles que estão curiosos, Marvel Star Wars e Marvel Star Wars: Darth Vader estão saindo no Brasil pela Panini Comics e se encontram na 12ª edição neste mês de Janeiro. Os Quadrinhos se passam exatamente após a destruição da Estrela da Morte, no Episódio IV.)

Rogue One: Uma História Star Wars é, na minha opinião, o filme mais importante de toda a saga, por trazer ainda mais clareza ao Universo Star Wars.

Ele mostra como os rebeldes conseguiram os planos para destruir a Estrela da Morte, e o filme é tão perfeito em tudo que, mesmo não sendo um filme exatamente Star Wars  pois não é um Episódio  ele se encaixa perfeitamente na coisa, e muitos o chamam de Episódio III.5.



E essa postagem marca o meu retorno ao blog, que se encontrava parado há um tempo. O ano de 2016 foi bem complicado  okay, MUITO complicado  mas a vida segue e o jogo não pode parar.

Que 2017 seja aquilo que 2016 não foi. Tanto para mim, como para muita gente.

Abraços e até a próxima postagem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário